A Grande escolha das nossas vidas

Maria Eduarda Rodrigues de Castilho

Antes de se escolher uma profissão, é muito comum se perguntar ou alguém lhe perguntar qual carreira pretende seguir. É algo que nos perguntam desde a infância. Eu, por exemplo, tinha o sonho de ser veterinária, mas depois que eu descobri que eu precisava fazer cirurgias, em certos casos, e, por isso, eu não quis mais – apesar de estar salvando-os, eu acredito que me sentiria “mal” por ter que cortá-los. Pode parecer bobo, mas do que adianta seguir um caminho onde eu sei que não vai ser o “correto” para mim. Depois disso, eu decidi seguir o que meu pai queria, no caso era direito, e eu me identifiquei, por amar ler, mas não vai ser isso também, porque não quero estar “presa” em um único lugar. Gostaria de viajar o mundo a trabalho, ajudando as pessoas! Foi aí, então, que encontrei a minha possível profissão dos sonhos.

Trata-se de uma nova área da saúde chamada Bioinformacionista, e, nela, juntam-se duas áreas que eu amo: a química e a genética. Ela é responsável por auxiliar na prevenção da reprodução humana e de doenças genéticas, também tendo como função fazer o mapeamento do genoma humano. Mas é claro que ela, assim como todas as profissões, teria um ponto “negativo”. Para poder atuar neste meio, é necessário ter a formação medica, uma especialização ou graduação em farmácia e bioquímica. Caso queira acrescentar biologia molecular e ciência da computação, seriam muito bem-vindas para o seu currículo.

Não se trata de dinheiro ou o caminho mais fácil, trata-se de escolher aquilo que melhor te identifica, mesmo que isso signifique estudar muito e fazer sacrifícios para ter sucesso. O segredo para escolher que profissão seguir não é pelo o que ela pode oferecer e, sim, com qual você melhor se encaixa. Ou seja, antes de tomar sua decisão, pratique o autoconhecimento para, assim, então, saber qual caminho seguir. Faça aquilo que ama e seja feliz, pois do que adianta seguir algo que lhe traz dinheiro, mas não o prazer?

* Tenho 16 anos estou cursando o segundo ano do ensino médio, no Colégio Batista. Ainda tenho um longo percurso até chegar no meu objetivo, mas, quando chegar, vai valer todo o meu esforço e dedicação. Então, não desista daquilo que você quer, Deus vai te ajudar a conquistá-los, com glória e excelência, e não se preocupe se é realmente aquilo que você quer para a sua vida ou se vai dar muito dinheiro, quando descobrir o que é sua paixão só vai depender de você por opta-lá, ou outra.

>
Rolar para cima